segunda-feira, 6 de junho de 2011

Sede de Mudança

     Veja meu olhar: Ele transborda sede de mudança, e se eu não vir os mesmos sentimentos em nenhuma outra retina, irei ao espelho em uma tentativa falha de mutiplicá-los.

     Fiquei feliz, realmente muito feliz, no primeiro dia de manifestaçoes contra o Governador Teotonio Vilella. Manifestação que se espalhou no facebook, e de forma viral passou na tela da cada estudante. Os que têm na alma o sentimento de mudança, prontamente se dispuseram a apoiar a causa. Hoje, quarta-feira, 01 de junho, voltei para casa triste, mas sem baixar a cabeça, porque Consegui gritar o que eu penso. E se uma única pessoa absorveu minhas palavras, cumpri minha missão.
     Presenciei muitas bandeiras levantadas: Anel, CUT, sindicalistas e tantas outras. A principio achei que seria um belo ato, que seria a unificação de todos os movimentos. Quem sabe iria realmente virar o #ForaTeo, mas o que eu presenciei foi claramente uma disputa politica - ou de ego - de quem aparece mais, ofuscando a essência da marcha. Ora, se pensarmos com cautela, os servidores públicos estão apenas reivindicando o SEU aumento, as SUAS melhorias. Não que isso não seja justo, mas acredito fielmente que isso tem que ir alem de 14% a mais no final do mês.
     Temos que aderir à essa caminhada o direito dos homossexuais, discutir como acabar com a violencia, com a falha guerra às drogas, e às tantas outras atrocidades que acontecem no Estado de Alagoas. Com certeza muitos se lembram de 97 onde, nas mesmas ruas, os movimentos gritaram palavras de ordem, derramaram o próprio sangue para tirar o governador do poder. E eu pergunto: Como está nosso Estado, 14 anos apos tudo isso? Precário, totalmente sucateado. Sim, é verdade. Mas, acredite, estaria pior. Então toda luta é válida, mas de forma alguma pode ser distorcida por interesses próprios. Impávidos diante daqueles que nos oprimem temos que nos manter, continuar com a luta, a "resistência pacífica"

Entre a direita e a esquerda se encontra a reta.

@Netoomoraes

Nenhum comentário:

Postar um comentário