terça-feira, 24 de maio de 2011

Avoa Rouxinol

Poesia avoa, avoa junto com a fumaça
vai lá pra cima, e beija o céu, fazendo
rei quem hoje é réu, faz surgir paz
onde hoje é treva, faz surgir relvas
onde hoje é selva... de pedra.

Avoa Rouxinol, tá esperando o quê?
aproveita sua liberdade, porque um dia você
pode perder. Chora não, esse terror um dia
vai passar. Intrépidos hoje somos diante dos
que tentam nos calar.

Eu digo Marchem! Cantem a paz, exaltem
o calor. Sabedoria é saber do sabor
sobre o amor.

@Netoomoraes

Nenhum comentário:

Postar um comentário